sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Campus Party bem Brasil...

Evento de high tech falha em São Paulo por falta de energia elétrica

"Se chover no Haiti, acaba a energia aqui" era um dos slogans de protesto: a chuva muito forte que cai em São Paulo nesta sexta-feira 'invadiu' a Campus Party com a realidade Brasil. Além de molhado, o espaço em que se realiza o evento geek até domingo, ficou nesta tarde no escuro - com luz de gerador só no palco principal - e a Internet funcional nas mesas também caiu. Em cerca de 10 minutos, a luz voltou - não se sabe ainda se é a força normal ou o gerador.

Segundo Mario Teza, coordenador-geral do evento, em dez minutos o gerador deveria entrar em funcionamento. Ele subiu ao palco para dar explicações, assim que a luz caiu e se ouviu um estouro, mas também assustou um pouco as pessoas ao pedir que mantivessem a calma. Admitiu que está chovendo dentro do evento mas que as pessoas devem ficar tranquilas porque há bombeiros e socorristas para "qualquer coisa que possa acontecer."
Rapaziada encara com humor a situação bem Brasil
Em toda parte do local pessoas se protegem com guarda-chuva ou o que estiver mais à mão, equipamentos são cobertos, desligados ou afastados dos lugares em que mais chove. Teve até a tal de goteira, típica do interiorzão... Os protestos dos campuseiros, claro, se fizeram ouvir imediatamente, cobrando explicações da organização. A quarta edição do acontecimento da geração digital não conseguiu ficar blindada da realidade brasileira cheia de carências, as mais básicas, no dia a dia da população, atrapalhando também o exercício de liberdade de informação e de comunicação do futuro. Tecnologia à brasileira na maior cidade da América do Sul.


Fontes: Terra
              http://folhaverdenews.blogspot.com/

Um comentário:

  1. O país precisa resolver problemas básicos da população e da infraestrutura de nossas cidades, para que a qualidade de vida de todos esteja ao nível da inteligência e da boa vontade dos que vão à luta para criar o futuro, como os ecologistas ou a geração digital da juventude de agora.

    ResponderExcluir

Translation

translation