quinta-feira, 11 de agosto de 2011

OAB E DIREITOS HUMANOS QUEREM A COMISSÃO DA VERDADE


OAB realizou hoje ato em apoio à Comissão Nacional da Verdade, resgate de cidadania

O Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil realizou nesta quinta-feira um ato público em apoio à criação da Comissão Nacional da Verdade. O evento foi realizado na sede do conselho, em Brasília (DF).
Durante a solenidade, o presidente da OAB, Ophir Cavalvante entregou à ministra da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, Maria do Rosário, uma moção de apoio ao Projeto de Lei que cria a Comissão Nacional da Verdade. O ato contou com a presença de diversas entidades da sociedade civil, como a União Nacional dos Estudantes, bem como, familiares ou reprsentantes de ex-presos políticos (centenas e até milhares foram mortos e desaparecidos) bem como, produtores culturais perseguidos pela Censura durante a Ditadura Militar no Brasil, entre 1964 e 1986.

Dr. Cavalcante/OAB e ministra Maria do Rosário promotores do evento

Memorial de alguns mortos e desaparecidos na Ditadura

Entre eles, o jornalista Vlado Herzog

Manifestação de artistas nos anos 70 pela liberdade de expressão

Cresce no país busca pela verdade dos fatos




O projeto 7376/2010 pela criação da Comissão Nacional da Verdade, foi encaminhado ao Congresso Nacional em maio de 2010. Uma vez constituída, esta comissão terá como objetivo esclarecer as circunstâncias em que ocorreram as graves violações de Direitos Humanos neste período de governo ditatorial e até antes, à época do Estado Novo a partir de 1946. Vários fatos ainda não esclarecidos, acontecimentos e personagens nos batidores da História do país poderão ser explicados ou redescobertos, resgatando-se a cidadania dos perseguidos e aumentando a consciência da realidade em nossa Nação.
Fontes: www.sedh.gov.br
             http://folhaverdenews.blogspot.com

2 comentários:

  1. O editor de conteúdo do blog Folha Verde é testemunha e foi vítima de alguns destes fatos de violência, nos anos 70 e 80: "Tive dezenas de programas ou projetos em TVS proibidos pela censura, 2 filmes em curta-metragem destruídos, sendo impedido de realizar um longa-metragem com que venci concurso nacional da Embrafilme", relata Padinha: "E eu fui apenas um entre milhares de jovens perseguidos pela Ditadura. A busca da verdade histórica avançará a cidadania no país".

    ResponderExcluir
  2. Uma iniciativa de extremo valor no Brasil para valorizar o estado de direito, a liberdade, a busca da justiça e da verdade histórica, além de resgatar a cidadania dos milhares de opositores ao governo ditatorial que foram presos, torturados, censurados, perseguidos, mortos, desaparecidos. Alma nova para a Nação.

    ResponderExcluir

Translation

translation