quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

ESTE BLOG TAMBÉM SE ALIA AO MOVIMENTO FIGHT FOR THE FUTURE

Mais de 10 mil sites protestam contra lei que restringe liberdade na web nos Estados Unidos

A nossa posição crítica não vai influenciar em nada a discussão desta lei lá nos Estados Unidos, mas se trata de uma postura de filosofia de vida e também de um alerta para o que também pode acontecer no Brasil: nosso blog se alia a mais de 10 mil sites, portais e blogs que já se somaram nesta quarta-feira a um protesto virtual contra uma lei tramitando no Congresso dos Estados Unidos que, a título de combater a pirataria online em alguns setores, poderá na prática acabar por estabelecer uma censura na web, "onde a liberdade de expressão é fundamental até para a rapidez, avanço da tecnologia e da cultura da comunicação", comenta Padinha, editor do Folha Verde News. Ele informa que o protesto é um movimento organizado através da página www.sopastrike.com e que começou pouco após a meia-noite, conta com a participação de empresas como Google, Wikipedia, Reddit, Wordpress e Mozilla, além de váras lideranças de cidadania e da produção cultural, além de usuários de vários setores de atividade que se utilizam da Internet.


Lutar pelo futuro ou pela liberdade é o mesmo caminho, a mesma necessidade

Esta é a imagem mais tradicional da luta pela liberdade

...que envolve hoje tecnologia ecriação do futuro












A iniciativa, nos Estados Unidos, incluiu o "blecaute" ou a desativação de alguns sites durante 24 horas, é um projeto da organização sem fins lucrativos Fight for the Future, que procura impedir o projeto de lei conhecido pela sigla Sopa (Stop Online Piracy Act), em sua versão na Câmara de Representantes, e Pipa (Protect Intellectual Property Act), no Senado.
Ao visitar a versão em inglês da Wikipedia, por exemplo, o visitante se depara com uma mensagem em letras brancas em um fundo negro que diz: "imaginem um mundo sem conhecimento gratuito... Atualmente, o Congresso dos EUA está considerando uma legislação que pode prejudicar gravemente a Internet gratuita e aberta". O Google, por sua vez, publicou a seguinte mensagem em sua versão em inglês: "Diga você também ao Congresso que não censure a Internet".
Tiffany Cheng, cofundadora do Fight for the Future, disse na noite de ontem que se trata de uma "luta pela liberdade de expressão". "O protesto contra o Sopa é o maior protesto online jamais organizado. Várias centenas de milhões de pessoas verão mensagens sobre o risco de censurar a Internet, e isso é algo sem precedentes", afirmou Cheng. Na mira estão as duas versões do projeto de lei que têm como objetivo combater a pirataria online de filmes, vídeos, músicas e demais conteúdos protegidos por direitos de propriedade intelectual. Porém a legislação está mal formulada ou mal intencionada...A versão Pipa será submetida a debate e votação no Senado a partir de 24 de janeiro, enquanto a Sopa enfrentará votação preliminar no Comitê Judicial da Câmara de Representantes em fevereiro.O principal autor da iniciativa na Câmara e presidente do comitê, o republicano Lamar Smith, disse que a Sopa procura proteger consumidores, negócios e empregos "de ladrões estrangeiros que roubam propriedade intelectual dos EUA".
O projeto de lei goza de um amplo apoio do setor de entretenimento - como Hollywood -, de empresas farmacêuticas e publicações, enquanto as empresas do Vale do Silício a criticam pesadamente. O Presidente Barck Obama e toda a Casa Branca se opõem à medida em sua versão atual por considerar que esta poderia suscitar processos contra empresas cibernéticas e prejudicar negócios legítimos, além de atropelar o direito à liberdade de expressão. A previsão é que os legisladores modifiquem certas cláusulas da medida, adaptando a lei à realidade atual e preservando a livre expressão na web, já estão falando em mudanças nestas leis tanto na versão da Câmara como na do Senado, enfim, o movimento Fight For The Future já está nascendo vitorioso, a bem da liberdade, da democracia e da cidadania, ele acontece nos Estados Unidos mas poderia ser em qualquer país do mundo.

Fontes: www.sopastrike.com
             www.terra.com.br
             http://folhaverdenews.blogspot.com

3 comentários:

  1. Com certeza é importante a defesa da propriedade intelectual ou a ação contra pirataria, mas esta luta não pode é gerar leis que venham a concretizar a censura à liberdade de informação: ou os parlamentares norteamericanos estão mal informados (isso é típico da atual classe política em todo lugar...) ou esta legislação na verdade esconde megainteresses e um projeto de controlar a Internet.

    ResponderExcluir
  2. De toda forma, desde o primeiro instante deste movimento Fight For The Future nos solidarizamos e nos unimos a ele, com a consciência de que sem a liberdade de expressão não existe condição de funcionamento da Internet. E mais: hoje a luta para a criação do futuro exige liberdade de expressão e todas as web-ferramentas, que com rapidez e tecnologia contemporânea avançam a comunicação, a cidadania e uma nova realidade.

    ResponderExcluir
  3. Com todas as web-ferramentas, a Internet é hoje a mídia mais importante exatamente pela sua liberdade, rapidez e tecnologia interativa, devido a isso a gente espera também uma manifestação do SindJor, sidicato dos jornalistas e das entidades que nasceram na defesa dos direitos da cidadania e da comunicação.

    ResponderExcluir

Translation

translation