domingo, 25 de março de 2012

JUVENTUS SALVA FRANCANA QUE PERDEU EM CASA OUTRA VEZ

Nova Veterana com sorte de campeã continua em sétimo lugar na tabela do Paulista da Série A3



Nem uma nova derrota em Franca por 1 a 0 para o novo vice-líder do Campeonato Paulista da Série A3, Grêmio de Osasco, tirou a Nova Veterana do G8 (grupo das 8 equipes que se classificam para a fase final da competição que leva as 4 primeiras para a Série A2): por sorte, no principal resultado pendente para a Francana não sair desta posição, ele aconteceu, o Juventus de São Paulo supreendentemente se reabilitou no campeonato (voltou a ter chances de classificação) ao ganhar em Sorocaba do São Bento por 2 a 0.  São Bento e Juventus faziam um jogo morno neste domingo, sem muitas emoções, mas nos últimos cinco minutos, pegou fogo e o time da capital fez dois gols com Thiaguinho. O primeiro de pênalti, aos 42, revoltou os jogadores do São Bento, que foram para cima da arbitragem reclamando da marcação. Na última cobrança de escanteio, todo o time do São Bento foi para área do Juventus, que no contra-ataque, sem goleiro, que também estava no campo de ataque, fez o segundo e sacramentou a vitória, que coloca o time mais uma vez na briga para chegar à segunda fase da A3. Com 22 pontos, está na 11ª colocação. O Bentão é o oitavo, com 23. E a Francana continua em 7º lugar na tabela de classificação (mesmo posicionamento antes desta 16 rodada) mesmo senddo derrotada mais uma vez no Lanchão. "A torcida e a imprensa não deveriam falar em tabu ou em azar do time jogando em seu estádio e sim em observar de cabeça fria os acontecimentos", comentou o editor deste blog, Antônio de Pádua: "São circunstâncias do futebol, que é um jogo e estas coisas acontecem, a equipe que ganhou em Batatais perdeu em casa para o Osasco também por 1 a 0, o campeonato está muito emocionante e equilibrado". Mas o repórter e ecologista Padinha fez questão de ressaltar um detalhe: "A Francana jogou com 6 desfalques por contusões e suspensões e além de tudo, sofreu os efeitos de uma péssima arbitragem de Norberto Luciano Santos Silveira, juiz sem destaque no ranking da Federação Paulista de Fuitebol, que errou muito e sempre a favor do adversário, influenciando no resultado da partida também". Ele destaca por fim a felicidade da Nova Veterana, com a vitória surpreendente do Juventus da Mooca em Sorocaba, se bem que a performance média do time de Franca caiu de 51 para 47,9% mas este é um pormenor numérico que pode ser modificado com resultados positivos nas 3 e últimas próximas rodadas desta fase qualificatória da A3. Na quarta, o adversário é o líder Rio Branco em Americana, depois no outro domingo, o São Bento de Sorocaba em Franca e finalmente na outra quarta-feira, o fatídico Marília, lá, onde a Francana já perdeu tempos atrás um campeonato que estava sendo dado como certo. "Nosso time tem jogado melhor fora do que dentro de casa e isso pode vir a ser agora nesta reta final da classificação algo a nosso favor", disse o técnico Wantuil Rodrigues ainda no sábado após a derrota. Ele não quís comentar se cometeu ou não um erro ao tirar Tales e por Crison, voltando de cirurgia no joelho, num jogo de alta competitividade: "Se estava bem, o jogador poderia ter entrado no lugar de um defensor e não do Tales que estava jogando razoavelmente, poderia ter usado também outras opções como Hindian, que não teve ainda uma oportunidade ou até o renê, sei lá", falou o torcedor Mauro Pereira, d a torcida Dragões da Veterana. O treinador teve as suas razões para alterar o time francano que por duas vezes esteve a pique de empatar ou até virar o jogo, perdendo chances incríveis na cara do gol, isso, além de o árbitro não ter assinalado um pênalti (a bola estourou no braço do zagueirão de Osasco). Aliás, uma opinião unânime no Estádio Municipal José Lancha Filho, o Lanchão, era que os erros de arbitragem foram fatais, Norberto Silveira chegou a ajudar a "cera" do adversário, fazendo a bola voltar várias vezes entre outras atitudes errôneas. O bandeirinha Itramar Antonelli assinalou um impedimento inexistente do ataque da Francana, que poderia ter  também alterado o placar, com Crison vindo de trás e chegando na frente do gol de Yamada sozinho. A outra auxiliar, por outro lado, Clarice Ferreira Lima, teve uma atuação exemplar, sem nenhum erro, numa noite de péssima atuação da equipe de árbitros da FPF.

Foto do DF mostra um dos lances de gol perdido pela Francana na defesa de Yamada
Foto do GCN mostra outra chance e os jogadores de cabeça quente com a arbitragem
Mas a Francana deu sorte (mais uma vez) e desta vez com a vitória do Juventus e agora na sequência da busca pela classificação e manutenção no G8, o técnico Wantuil terá a volta de alguns dos desfalques do jogo de sábado, Felipe Gregory, Pavão, Elivelton, talvez até Jailson e Carlos Júnior Faísca, Felipe Diniz é dúvida e o artilheiro Piter talvez possa voltar no próximo jogo no Lanchão, diante do São Bento, para tirar o azar do estádio e de repente, confirmar a qualificação da Nova Veterana para a fase final: a meta do grupo é chegar entre os 4 finalistas, subindo para a A2 neste ano do centenário do time de Franca, quem sabe, até ao título, que daria um tom histórico de consagração aos 100 anos da Francana. E todos torcem para que a equipe francana faça mais gols  - com ou sem Piter  - para que faça valer o plantio de mais árvores nativas na divisa entre São Paulo e Minas Gerais, como é a campanha da empresa de calçados radicais MacBoot, apoiando a Nova Veterana nesta temporada e neste desafio, a bem do povo da cidade e de toda a região, uma vez que o futebol é atualmente um fator de desenvolvimento sustentável.

Francana continua no G8 e em 7º lugar na tabela correndo atrás da fase final da A3


 Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1  Rio Branco 31 16 9 4 3 28 17 11 64.6
2  Grêmio Osasco 30 16 9 3 4 27 16 11 62.5
3  Capivariano 29 16 9 2 5 27 27 0 60.4
4  Guaçuano 29 16 7 8 1 31 13 18 60.4
5  Batatais 26 16 7 5 4 22 14 8 54.2
6  Itapirense 23 16 7 2 7 20 21 -1 47.9
7  Francana 23 16 6 5 5 23 18 5 47.9
8  São Bento 23 16 6 5 5 21 20 1 47.9
9  Marília 22 16 7 1 8 19 21 -2 45.8
10  Internacional 22 15 6 4 5 25 17 8 48.9
11  Juventus 22 16 5 7 4 27 20 7 45.8
12  Sertãozinho 21 16 6 3 7 20 22 -2 43.8
13  Barretos 20 15 5 5 5 18 16 2 44.4
14  XV de Jaú 20 16 5 5 6 14 18 -4 41.7
15  Flamengo 19 16 6 1 9 22 32 -10 39.6
16  Independente 18 16 5 3 8 20 21 -1 37.5
17  Inter de Bebedouro 18 16 5 3 8 22 31 -9 37.5
18  Taubaté 17 16 5 2 9 16 27 -11 35.4
19  Osvaldo Cruz 14 16 4 2 10 16 35 -19 29.2
20  Taboão da Serra 13 16 3 4 9 15 27 -12 27.1


Fontes: www.futebolinterior.com.br
             http://folhaverdenews.blogspot.com

3 comentários:

  1. A Francana deu sorte ou, dependendo da sua visão ou do enfoque que você faz do futebol e do esporte, a equipe foi protegida por Deus. A Nova Veterana parece predestinada neste ano do seu centenário a chegar à fase final da A3, relembrando os bons tempos do time, que tevem grandes momentos na história do futebol do interior.

    ResponderExcluir
  2. Não adiantou a péssima arbitragem de Norberto Silveira, apesar de prejudicada demais por erros do desconhecido juiz da FPF, ela foi beneficiada mais uma vez por resultado de equipes adversárias na rodada, em especial do Juventus de São Paulo, vencendo em Sorocaba: a Francana apesar dos pesares chega assim às três últimas rodadas de classificação disputando uma chance de de ficar entre os melhores times da sua série e sendo uma concorrente direta a ser uma das 4 equipes que sobem para a A2 em 2013.

    ResponderExcluir
  3. A campanha ecológica da MacBoot, a boa sorte da Nova Veterana nesta temporada e um elenco com várias opções para o experiente técnico Wantuil armar a equipe, todos estes fatores influenciam positivamente os próximos e decisivos jogos do time de Franca e região.

    ResponderExcluir

Translation

translation