quarta-feira, 8 de agosto de 2012

AGROECOLOGIA E PRODUÇÃO ORGÂNICA FAZEM FRENTE VERDE


Está sendo lançada hoje em Brasília frente interpartidária de apoio à sustentabilidade rural

Hoje foi lançada na Câmara dos Deputados, a Frente Parlamentar pelo Desenvolvimento da Agroecologia e Produção Orgânica, sendo idealizadora da iniciativa, deputada federal, petista de Santa Catarina, Luci Choinacki, com o objetivo de estimular o debate entre parlamentares, movimentos sociais e populares e Poder Executivo em relação a uma alimentação saudável, livre de venenos. Assim, o colegiado poderá articular, de forma democrática e moderna, a solução para um novo modelo de agricultura no Brasil. Presentes no lançamento da Frente Parlamentar os ministros do Desenvolvimento Agrário, Pepe Vargas e do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, além de deputados do PV ou outras lideranças políticas e de cidadania dentificadas com a causa do desenvolvimento sustentável. Como diz o ecologista Padinha, editor do nosso blog Folha Verde News, "a agroecologia e os alimentos orgânicos são dois setores vitais para o país tomar o rumo de um desenvolvimento sustentável a partir do campo".

A agroecologia e produção orgânica consistem em alimentos saudáveis, sem uso de agrotóxicos, nem adubos químicos ou hormônios. Consequentemente, esses alimentos não agridem a natureza e mantém a vida do solo inalterada. O Governo Federal estima em 200 mil a quantidade de famílias empregadas na produção de alimentos orgânicos no País. A presidente Dilma Rousseff tem debatido com os ministros o objetivo de aumentar o número de famílias para 300 mil até 2014. Além disso, por meio da Política Nacional de Agroecologia, o Governo planeja ampliar de 2% para 15% a participação de produtos orgânicos nas compras governamentais, além de incentivar o consumo desses produtos pela população. Para alcançar as metas é necessário que haja um aumento na distribuição de sementes, a capacitação dos produtores e da assistência técnica para que se possa garantir a certificação dos produtos. Juntos e com o mesmo objetivo, o Governo Federal e a Frente Parlamentar pelo Desenvolvimento da Agroecologia poderão fortalecer novas relações no meio rural, a segurança alimentar e nutricional e o estímulo à pesquisa.
Com origem na agricultura familiar de Santa Catarina, Luci Choinacki argumenta: “É preciso possibilitar à população melhor qualidade de vida através da oferta de alimentos saudáveis e do uso sustentável dos recursos naturais”, enfatiza. Luci que ainda acrescenta: “os assentamentos da reforma agrária podem atuar como protagonistas nesse processo, por meio da troca de experiências, desde o preparo até a comercialização dos produtos com valor agregado”.
Saiba mais:
A agroecologia é um sistema de produção agrícola alternativa ao modelo tradicional de agricultura, que busca a sustentabilidade da agricultura familiar resgatando práticas que permita ao agricultor produzir sem depender de insumos industriais com agrotóxicos.

A deputada catarinense está liderando a nova frente parlamentar

José Alexandre, da BrasilBio, aqui com Cassiano Pimentel , indo à luta verde
 Fontes: www.brasilbio.com.br
             http://folhaverdenews.blogspot.com

4 comentários:

  1. José Alexandre Ribeiro, é de Franca e líder nacional dos produtores e processadores de alimentos orgânicos, acreditando que a população, o PV e todos os partidos precisam se envokver mais com esta questão.

    ResponderExcluir
  2. Em meio à campanha das eleições municipais de agora, em sua cidade natal (lado a lado com o PV, seu partido, que está lançando Cassiano Pimentel a prefeito), mesmo assim, José Alexandre encontrou tempo para levar adiante essa luta dos agroecologistas e dos orgânicos, que unem forças e esforços para criar o futuro.

    ResponderExcluir
  3. A agroecologia e a produção de alimentos orgânicos são vitais para a implantação de um desenvolvimento sustentável no campo, tanto quanto, a não-violência e a qualidade de vida de todos, fundamentais para o mesmo objetivo nas cidades.

    ResponderExcluir
  4. Este mutirão de forças, rurais e urbanas, dos Verdes e de todos os que em outros partidos têm afinidade com a luta pela sustentabilidade, do Governo e das lideranças da cidadania e da ecologia na sociedade civil, cientistas e agricultores, todos podem se unir neste movimento a bem da saúde do ambiente e da população.

    ResponderExcluir

Translation

translation