terça-feira, 3 de dezembro de 2013

ESPÍRITO DE PORCO E CORPO DE MACACO, EIS O HOMEM...

Independente de humor essa é a tese muito polêmica do geneticista Eugene Mc Carthy

"A espécie humana começou como a cria híbrida de um porco macho e uma chimpanzé fêmea", é o que afirma um geneticista americano, Eugene McCarthy, da Universidade da Geórgia, detentor de um pós-doutorado na área e considerado uma autoridade na “hibridização” de animais. Ele argumenta que, enquanto os humanos têm muitas características em comum com os macacos, também têm um grande número de atributos distintivos que não são encontrados em outros primatas, em especial, no porco. As informações são do jornal Daily Mail, postadas em sites também da mesma seriedade, como o Terra e o Ambiente Brasil: pensando também na piada, que está no cerne desta interpretação da gênese humana, "estamos aqui no blog da ecologia e da cidadania Folha Verde News, divulgando esta tese polêmica que, de toda forma, aproxima o homem dos animais, já que cada vez no dia a dia da realidade da nossa vida mais ele se afasta do seu lado divino", comenta por aqui nosso editor, o repórter e ecologista Antônio de Pádua Padinha, que neste pique ao mesmo tempo de pesquisa genética e humor, sugere uma equação, que você vê na segunda manchete deste post a seguir.

 

Humoristas aliás tem colocado que o homem pode ter vindo do macaco mas está virando porco...

A questão é: porco + macaco = homem...
 
Com toda seriedade, o cientista e pesquisador de Genética Eugene McCarthy afirma que tais características são muito provavelmente resultado de uma origem híbrida em algum ponto no início da história da evolução humana. Além disso, ele sugere, há um animal que conta com todos os traços que diferenciam os seres humanos dos “primos” primatas no reino animal. “Qual é o outro animal que possui todas essas características? A resposta é: Sus scrofa (domesticus), o porco comum”. Alguns outros cientistas concordam que os chimpanzés são os animais vivos com mais semelhanças com os humanos, uma teoria que conta com grande evidência genética. No entanto, há muitas características anatômicas entre as espécies humana e suína. A pele sem pelos, uma espessa camada de gordura subcutânea, olhos claros, narizes protuberantes e cílios pesados seriam atributos suínos, segundo McCarthy, que teve que enfrentar muitas piadas na apresentação da sua tese. A hipótese foi recebida com relutância pela comunidade científica. Em primeiro lugar, porque McCarthy é um especialista em pássaros, não em porcos ou macacos e nunca publicou um artigo sobre genética em mamíferos. O texto em que ele defende a tese foi publicado em um site organizado por ele, o Macroevolution.net. Além disso, favorecendo uma exploração humorística de sua própria tese,  o geneticista lançou um livro no ano passado chamado The Department, que – em tom de sátira -, mistura suspense, ciência e poesia em uma trama cujo personagem principal é um híbrido entre porco e chimpanzé. O romance, em formato de e-book, está disponível na Amazon. Também se questiona, afinal, como seria possível um chimpanzé acasalar com um porco. Esta é também a questão..."Não se trata aqui de um enfoque como o de Friedrich Engels (sobre o papel do trabalho na transformação do macaco em homem) mas de algo mais voltado à ciência laboratorial contemporânea que contradiz essencialmente a visão dos religiosos e espiritualistas que vem no ser humano um descendente de Deus ou pelo menos dos anjos", conclui por aqui no blog, seriamente, o nosso editor Padinha.

Fontes: www.terra.com.br
              www.historianet.com.br
              http://folhaverdenews.blogspot.com
 

5 comentários:

  1. Na base da piada, podemos mesmo dizer que a questão é uma equação macaco + porco = homem, sem dúvida, porém, como pesquisa científica, é difícil assimilar a tese do geneticista Eugene McCarthy, da Universidade da Geórgia.




    ResponderExcluir
  2. Seja macaco, porco ou outro animal, a origem do homem merece mesmo uma maior pesquisa genética e definição histórica, mas levando a realidade atual da humanidade, nós humanos somos mais animalescos do que angelicais...

    ResponderExcluir
  3. Charles Darwin ou Friedrich Engels já consagraram entre a tendência dos cientistas que dizem que os homens vieram de animais, o macaco como o primata mais próximo do humano. Mas os maiores autores e filósofos espiritualistas, de várias religiões, defendem a tese da criação do homem feita por Deus, seguindo o Gênesis da Bíblia.

    ResponderExcluir
  4. Apesar da complexidade desta pauta, que foge da nossa rotina, aproveite também este tema como um gancho para satirizar o ser humano: mande sua informação, comentário, opinião ou mensagem pro e-mail do nosso blog: navepad@netsite.com.br

    ResponderExcluir
  5. "Um cruzamento em uma fêmea de porco com um macaco me parece pela lógica algum muito difícil de acontecer naturalmente mas se ele é um geneticista e sua tese tem algum fundamento, vale questionar, mas prefiro ver ainda de outra forma ET a origem do homem": é um resumo da mensagem e opinião que nos manda a estudante de engenharia agrônoma Patrícia Morais, da UFSCAR.

    ResponderExcluir

Translation

translation