sexta-feira, 17 de abril de 2015

HOJE PELO MENOS NO CANAL BRASIL A VELHA TV DE ONTEM PERDE ESPAÇO PARA A NOVIDADE SEMEANDO FUTURO

Sonho pode ser até a realidade mas não se trata de reality e sim duma série de TV que pode ser vista até como extraterrestre, levando em conta tudo que rola hoje na velha televisão brasileira (algo do que busca se livrar o Canal Brasil)


A gente anuncia com alegria aqui no blog do movimento ecológico, alternativo e da cidadania Folha Verde News uma novidade finalmente na TV, Sonhos de Abu é a história da vida de André Abujamra, "verdadeiramente falsa", como ele explicou no site da Revista de Cinema. Baseada em fatos reais e em sonhos da sua vida, a série de ficção, comédia e música é interpretada pelo próprio André também que se inspirou em estilos variados, como de Peter Sellers e Jerry Lewis (é mole ou você quer mais?). Na série ele divide seus esforços entre produzir arte e sustentar a família (o que é uma tradição do circo também), fazendo então jingles publicitários: Gê, sua esposa (Lúcia Brinstein), Joca seu filho (Derick Lecouflé) e seu pai (Antônio Abujamra, o rei Abu do teatro crítico e da TV criativa). Confira aqui a seguir + detalhes do programa que você pode começar a curir a partir desta noite no Canal Brasil. E na sequência, aqui nesta webpágina, releases nada convencionais desta equipe diferente que eu considero na prática uma galera ET, uma troupe fora da triste realidade da televisão medíocre do país atualmente. Ainda bem. Um bom começo para esta novidade de humor e de música. Vi somente o treiler e confesso que gostei. Um happenning, um aperitivo do Abu em dose dupla. (Antônio de Pádua Padinha, editor deste blog do movimento ecológico e de cidadania)


O satélite espacial ET News captou sinal de vida inteligente na TV brasileira

De repente um improviso na seca nordestina da televisão brasileira

André Abujamra aqui contracenando com o mestre Abu do teatro e da TV criativos

Essa rapaziada e toda a galera deste série de TV é no melhor sentido ET

O trabalho tem também aquele tom cult TV



Dentro do sistema do Fundo Setorial da Ancine, criação, direção e roteiro de Rafael Terpins e André Abujamra, trilha sonora de André Abujamra e Marcio Nigro, animação de Rafael Terpins e produção da Fantástica Fábrica de Filmes, estreia hoje,17 de abril às 23h30, no Canal Brasil. A produção conta com 13 episódios de 30 minutos de duração, que serão exibidos semanalmente até o dia 10 de julho.





Através de seus sonhos, retratados sempre em animação, Abu percebe que sua grande missão é voltar com a banda Os Mulheres Negras, mas, para isso, tem que convencer Mauricio Pereira, interpretado pelo próprio Mauricio, ex-integrante da banda, a largar sua pacata vida de feirante e voltar para as incertezas da vida artística. Outro destaque da comédia é a presença de renomados músicos paulistanos no elenco, como o ícone Arrigo Barnabé, cujo papel é de um manobrista, Edgard Scandurra (Ira), vivendo um personal trainer, Clemente Nascimento (Inocentes), interpretando um ex-punk que virou ora ora um cabeleireiro, Skowa (Skowa e a Máfia), no papel de um dono de autoescola, além da participação especial da cantora Zizi Possi. Segundo Rafael Terpins, a ideia era criar uma espécie de alcoólicos anônimos para músicos, que, como o Abu, compartilham desse dilema: produzir arte ou usar isso como um trabalho publicitário para suprir no momento as necessidades e se sustentar. As personagens interpretadas pelos músicos tentam interferir na vida do Abu, dizendo que viver de arte não dá certo, tentando convencê-lo a abandonar de vez essa vida. Ainda no elenco, estão Fernando Meirelles (o cineasta dos cineastas), além dos atores Theo Werneck, Marcelo Mainsfield, Marat Descartes, Marcelo Werneck, Carlos Careqa, Rodrigo Arizon, Giovanna Velasco, Lúcia Bronstein e Derick Lecouflé, como filho do Abu. A produção segue os moldes de humor da série “Curb Your Enthusiasm”, de Larry David, cocriador do seriado “Seinfield” e “Dr. Fantástico”, de Stanley Kubrick, onde é dado aos atores apenas o direcionamento da cena, permitindo que eles conduzam o roteiro da improvisação dos diálogos. Para a gravação do seriado não foi usado estúdio, apenas locação de espaços em São Paulo, Ibiúna (interior de SP) e em Buenos Aires na Argentina: é o que informa este release que tem aquele pique da necessária loucura para ser legível hoje em dia por aki na web. 


Falso reality show retrata o cotidiano de André Abujamra em direção de Rafael Terpins: tudo contradiz a seca atual da TV 

Sonhos de Abu (Foto: divulgação)Sonhos de Abu é uma realidade mas não reality
André Abujamra é um artista multifacetado. Líder do Karnak e do Os Mulheres Negras, escreveu diversas trilhas para cinema, jingles para comerciais, atuou em novelas e filmes e, mais recentemente, passou a integrar a banda do programa Agora É Tarde, da TV Bandeirantes. Em Sonhos de Abu, o cantor e multi compositor coloca em seu currículo mais uma atividade um tanto quanto inusitada: ele é a estrela de um falso reality show em que o público acompanha seus esforços para conciliar a vida artística com o trabalho publicitário, que sustenta sua família: Gê, sua esposa (Lúcia Bronstein), Joca, seu filho (Derick Lecouflé) e seu pai (Antonio Abujamra), ator cleptomaníaco (ou mágico). E é sonhando em desenho animado, que ele percebe que sua grande missão é voltar com a banda Os Mulheres Negras. Para isso, ele deverá convencer Mauricio Pereira, interpretado pelo próprio Mauricio, ex-integrante da banda, a largar sua pacata vida de feirante e voltar às incertezas da vida artística. A série segue os moldes de humor de Curb Your Enthusiasm, de Larry David – também famoso por ser um dos criadores Seinfeld, uma das comédias americanas de maior sucesso na história da televisão – e Dr. Fantástico, de Stanley Kubrick, programa em que é dado aos atores apenas o tom ou o direcionamento da cena, permitindo que eles conduzam o roteiro na base da improvisação dos diálogos. "Isso para a geração dos hippies e beatnicks da poesia e da comunicação se chamava happenning, se fosse o caso de futebol, a gente chamaria essa loucura de um drible tipo Garrincha", comenta por aqui no seu blog Padinha.
O elenco ainda conta com Rodrigo Arijon e Giovanna Velasco, como uma dupla de publicitários que infernizam a vida do nosso herói. Uma seleção de músicos e atores, como Marcelo Mandsfield, Theo Werneck, Skowa, Edgar Scandurra, Clemente, Arrigo Barnabé, Carlos Careqa, Zizi Possi, Fernando Meirelles, Xaxá Melman e Otavio Dantas, inventam seus diálogos em cena, como repentistas do Ceará do Sudeste na seca da TV neste país, onde  - ainda segundo nosso blogueiro aqui neste webespaço de liberdade - uma seca nordestina de criatividade, algo que com esta produção diferente o Canal Brasil contradiz como um sinal de vida inteligente.


FONTES: www.revistadecinema.uol.com.br                                                                                                                    Facebook A Fantástica Fábrica de Filmes
               www.google.com.br                                                                                                                                        www.folhaverdenews.com


8 comentários:

  1. Por enquanto, porque logo + estaremos postando aqui mais informações, comentários e mensagens que recebemos por e-mail, aqui na redação do nosso blog.

    ResponderExcluir
  2. Participe e mande vc tb a sua mensagem para navepad@netsite.com.br e/ou direto pro e-mail do nosso editor padinhafranca@gmail.com

    ResponderExcluir
  3. "Aqui no alto da Serra da Canastra mal consigo fazer funcionar um notebook e de vez em quando meu smarthfone, não tenho TV senão iria conferir este trabalho que parece ser maluco como tem mesmo que ser": o comentário é do pesquisador Alberto Duarte, que se encontra em campo para estudar um tipo de vegetação em extinção no interior.

    ResponderExcluir
  4. "Blz, gostei dessa loucura, vou ver": Maria Ana, produtora cultural em Ribeirão Preto (SP).

    ResponderExcluir
  5. "O clip do Jamil Abu não tem nada a ver com o André ou copm o Antônio Abujamra mas acabou ilustrando uma alternativa diferente de imagem que a gente anda querendo ver": a msm é de Deoclécio Souza que estuda Comunicação na Unesp de Bauru (SP),

    ResponderExcluir
  6. "Adoramos a matéria deste blog": a msm nos foi enviada pela equipe da Fantástica FDábrica de Filmes em São Paulo (SP), que está produzindo a série "Sonho de Abu". A gente agradece, a luta cult faz parte das metas do nosso projeto de trabalho.

    ResponderExcluir
  7. "Vi ontem o programa e curti o humor, as músicas, esse pessoal que é cabeça e mereceria mais espaço na TV que não tem quase nada": o comentário é de Odfair Mendes, de Jundiaí (SP), que atua em exportação de uvas e derivados de sua região.

    ResponderExcluir

Translation

translation