sábado, 2 de maio de 2015

APÓS SETE DÉCADAS A ONU AINDA LUTA PARA FAZER VALER UNIÃO ENTRE PAÍSES E PAZ ENTRE OS POVOS


                       Evento na PUC do Rio marca os 70 anos da ONU


Escritor e jornalista norte-americano Stephen Schlesinger dá palestra e você pode contribuir online pela paz e pelo desenvolvimento sustentável

Para contribuir como voluntário às lutas e aos ideais da ONU basta você entrar no site onlinevolunteering.org  como explicaremos a seguir: em relação à palestra  na PUC Rio pelo 70º aniversário das Nações Unidas comemorado em todo o mundo agora em 2015 o UNIC (centro de informação e de comunicação da ONU no Rio de Janeiro) e o Instituto de Relações Internacionais (IRI) da Pontifícia Universidade Católica  promovem uma palestra com Stephen Schlesinger, da Century Foundation, que falará sobre o papel dos Estados Unidos e da União Soviética e sobre o processo histórico da fundação da ONU. A palestra é pública e será nessa segunda e terça-feira, 4 e 5 de maio às 15 horas no Auditório da RDC da PUC-Rio na Gávea (Rua Marquês de São Vicente, 225): a palestra contará também com a participação da professora Monica Herz do IRI e do diretor do UNIC no Rio, Giancarlo Summa. A exposição de Stephen Schlesinger faz uma análise das conquistas, desafios, problemas e avanços desta organização mundial que nasceu em 1945 logo após a 2ª Guerra Mundial. Nosso blog de ecologia e de cidadania Folha Verde News recebeu por e-mail do UNIC um convite para o evento que terá ao vivo convidados de vários países. Você pode acompanhar tudo mais de perto via o  www.facebook.com/events/91461314524693 9.
O jornalista e escritor que faz a palestra com debates, Stephen Schlesinger é membro senior da Century Foundation, ex-diretor do World Policy Institute da New School e ex-editor da publicação The World Policy Journal,  também editou e publicou a The New Democrat Magazine, foi colunista do The Boston Globe e trabalhou quatro anos na Time Magazine. Em meados dos anos 1990, trabalhou no ONU-Habitat. Stephen é autor de três livros sobre as Nações Unidas, um deles junto com Stephen Kinzer.  A palestra em inglês terá tradução simultânea e o seu tema é "How the United States and the Soviet Union Founded the United Nations". 



Ainda agora a ONU faz ajuda humanitária em Katmandu no Nepal: 90 toneladas de doações para 5 mil feridos


Serviço de voluntariado da ONU incentiva brasileiros a contribuir online para a paz 

Os internautas brasileiros podem usar suas habilidades e emprestar seu tempo livre para ajudar grandes causas no país e pelo mundo afora: no início de 2015, o serviço de voluntariado online das Nações Unidas possibilitou a publicação de sugestões em português, facilitando a interação entre organizações, agências da ONU e entidades do governo com voluntários que buscam contribuir com idéias e propostas para a paz e o desenvolvimento sustentável em várias regiões do planeta.




Em vários países há um serviço digital a bem da comunicação de crianças

Voluntários online ajudam a educar crianças com deficiência, através de uma colaboração com a Ann Foundation. Foto: Ann Foundation
Criança africana participando online com o apoio da Ann Foundation

Dia 7 de maio haverá uma exposição de fotos sobre crianças Palestinas em Brasília (DF)

O serviço representa um braço do programa de voluntários da ONU e amplia a oportunidade de colaboração para aqueles que não podem viajar para atuar como voluntários com agências e missões das Nações Unidas em toda parte do mundo. Esteve em visita ao Brasil nesta semana a responsável da plataforma para a América Latina, Margarita Lizcano, explicou que a base de dados conta com 450 mil pessoas registradas e mobiliza cerca de 11 mil pessoas por ano, que colaboram com diferentes iniciativas publicadas no site www.onlinevolunteering.org . A quantidade de brasileiros, no entanto, é baixa, contabilizando aproximadamente 500 voluntários. Mesmo assim é  o voluntariado com maior quantidade de participantes na América Latina. Desde a criação do serviço no ano 2000, mais de 2.600 brasileiros já ajudaram organizações através do portal da ONU Online“É um serviço gratuito para as organizações e os voluntários e nosso papel é proporcionar um lugar comum para incentivar esse contato”, explica a representante. “As oportunidades refletem as necessidades que atualmente as organizações possuem. Uma tarefa típica é a tradução de um idioma ao outro, mas temos outras mais elaboradas como o desenvolvimento completo de um projeto para uma organização ou a pesquisa sobre um tema específico", explica Lizcano, que tem como missão cativar jovens e adultos dispostos a trabalhar a favor do desenvolvimento de verdade e da construção da paz. Serviços de informática, consultas jurídicas, ações de comunicação ou marketing online são apenas algumas das tarefas necessárias para apoiar e avançar o trabalho de organizações não-governamentais ou outras entidades em qualquer lugar do mundo. "Para as Nações Unidas, o voluntariado ajuda as pessoas a perceberem um problema externo como algo próprio. E essa é uma forma de promover mudanças, ao dar oportunidade de qualquer pessoa no mundo assumir um problema como seu e participar da busca de solução", comentou ainda  Margarita Lizcano: "O voluntariado online faz com que, de um momento ao outro, você passe a ser parte da equipe de uma organização mundial e defenda você mesmo uma causa na qual você acredita". 

Fontes:  www.nacoesunidas.org    -    www.folhasverdenews.com 

6 comentários:

  1. O perfil de voluntários da ONU: jovens universitários que querem ganhar suas primeiras experiências laborais, executivos que buscam ganhar conhecimento em outras áreas e idosos que encontram neste programa uma chance de compartilhar a sabedoria adquirida ao longo da vida. O voluntariado ainda permite trabalhar em um ambiente multicultural e expandir redes, algo essencial em um mundo cada vez mais globalizado.

    ResponderExcluir
  2. Para você e qualquer pessoa se inscrever no serviço de voluntariado da ONU basta visitar o site www.onlinevolunteering.org e criar um perfil que descreva suas habilidades. Os usuários podem optar por receber alertas com as oportunidades que se encaixem com seu perfil. Diariamente, o programa de voluntariado da ONU também publica cerca de 100 oportunidades em sua conta do Twitter.

    ResponderExcluir
  3. Os voluntários podem receber um certificado ao final de cada trabalho, mas muitos optam por não pedi-lo. O maior interesse dos voluntários é conhecer os projetos de outras organizações e verdadeiramente contribuir para uma causa com espírito humanitário ou de cidadania. No caso, cidadania mundial...

    ResponderExcluir
  4. Mande um comentário, informações ou alguma mensagem sobre esta pauta de hoje em nosso blog (70 anos da ONU e serviço onlçine de voluntariado): envie para nossa redação navepad@netsite.com.br e/ou direto pro e-mail do nosso editor de conteúdo padinhafranca@gmail.com

    ResponderExcluir
  5. "Embora eu seja paulista e aí do interior (sou de Araraquara) estou aqui no Rio e fiquei sabendo por este blog de cidadania da palestra sobre a ONU, vou até a PUC na Gávea para acompanhar o que vai dizer o jornalista Stephen Schlesinger e fazer contatos culturais": é o e-mail que a gente recebeu de Jonas Pedro, executivo de Informática.

    ResponderExcluir
  6. Recebemos agora um e-mail do UNIC da ONU no Rio sobre o adiamento da palestra do jornalistas e escritor Stephen Schlesinger sobre a fundação da ONU, de segunda para terça ou quarta: mais tarde ou amanhã, vamos atualizar o blog com a data e horário do evento.

    ResponderExcluir

Translation

translation