quarta-feira, 17 de junho de 2015

ÍCARO PASSA PERTO DO NOSSO PLANETA MAS EM SETEMBRO O RISCO DE UM ASTEROIDE SE CHOCAR COM A TERRA NO CARIBE SERÁ BEM MAIOR

O asteroide Ícaro passará "astronomicamente perto" da Terra nesta quarta-feira mas a Nasa tranquiliza  terrestres quando a este fenômeno espacial ou extraterrestre...



Nesta quarta no espaço uma prévia do que será um pânico em setembro?...


O cálculo dos astrônomos dos principais observatórios é que ele hoje passe a cerca de oito milhões de quilômetros de distância do nosso planeta, trata-se do asteroide batizado como Ícaro, que vem sendo observado há algum tempo e poderá passar hoje “de raspão” pela Terra. Apesar de ser um conceito já consagrado entre os pesquisadores espaciais de que esta pedra de mais de 1 km de extensão não poderá atingir o planeta, algumas pessoas dizem se preparar já há semanas para aquilo que chamam sem razão de apocalipse. "As emoções às vezes dramatizam os fatos", comenta aqui no blog da ecologia e da cidadania Folha Verde News o nosso editor Antônio de Pádua Padinha, a partir de informações que já vinha pesquisando no portal da Nasa e postando hoje  aqui a notícia que sai com destaque no The Mirror nos Estados Unidos e no Brasil, no site Terra.  Confira, a seguir, algumas manchetes (as menos sensacionalistas) que correm o mundo neste 17 de junho de 2015.


        

       

    

     

        




Teorias da conspiração acreditam que Terra poderá ser atingida por asteroide de grande porte neste ano: é em resumo o alerta que alguns grupos religiosos e até científicos vem fazendo deste o início de 2015 e que está "agendado" para setembro. No caso do asteroide de hoje, ele vem sendo também monitorado por astrônomos, astrofísicos e militares. Caso atingisse a Terra, esta pedra gigante teria capacidade de destruir todo o mundo, mas os cálculos matemáticos e astronômicos calculam que hoje este corpo celeste passe a mais de oito milhões de quilômetros de distância de nós. Apesar disso, um canal na Internet chamado Telescópio Slooh se prepara para acompanhar a passagem do objeto e mostrar sua jornada para a audiência que com certeza será grande. Slooh irá mostrar as imagens do potencialmente perigoso Ícaro em seu dia de aproximação. É importante de toda forma a observação do seu movimento espacial para entendermos a importância deste tipo de fenômeno para a ciência, em suma, comentam os pesquisadores mais equilibrados.   


Os cálculos científicos e o pânico de religiosos está focado mais no asteroide em setembro de 2015


O nome do asteroide faz referência à mitologia grega em que Ícaro, filho de Dédalo, morre após uma queda de um voo em que fica muito próximo ao Sol. Embora este asteroide não represente real perigo, teorias da conspiração e não só na web apontam um outro corpo celeste que estaria se aproximando da Terra e poderia atingir o planeta  em setembro deste ano, podendo até mesmo "acabar com a civilização", como prega esta teoria apocalíptica que chegou até mesmo a envolver o Vaticano em suas especulações.  Em breve, a gente aqui da equipe do nosso blog poderemos fazer uma reportagem mais ampla sobre este fenômeno extraterrestre, esperado para setembro, quando a primavera vier, aqui em nosso hemisfério. Aliás, segundo já se calcula, a queda deste outro asteroide para daqui três meses será no mar do Caribe, podendo afetar as duas Américas, a África e a Europa. Por enquanto, são especulações e temores planetários que costumam ocorrer sempre em épocas de história de tumulto e de violência na Terra. De toda maneira, estamos ligados e atentos às notícias que envolvam a nossa vida de terráqueos: "A nossa prioridade deveria ser recuperar a ecologia perdida em nosso planeta e a poluição de lixo terrestre que já estamos causando na atmosfera, além da camada de ozônio, fatos que são na realidade mais perigosos para a estabilidade da Terra e para a nossa sobrevivência", argumenta aqui ainda o repórter e ecologista Padinha ao editar estas informações de pânico mundial. 



Por via das dúvidas a Nasa já desenvolveu este Robô que estará na estação ISS em setembro


Fontes: Nasa
              www.terra.com.br
              www.folhaverdenews.com 


7 comentários:

  1. Houve há alguns meses a queda de um asteroide no interior da Rússia que causou muitos desequilíbrios e desastres e este fato esta aguçando as especulações a cada corpo celeste que se aproxima da Terra.

    ResponderExcluir
  2. Nós estamos pesquisando informações sobre o assunto desde então e inclusive sobre o fenômeno "Enviado por Deus" que estás sendo agendado pela Nasa e pesquisadores de astronomia para setembro deste ano, visto com pânico por seguidores de algumas religiões ou seitas.

    ResponderExcluir
  3. A gente aqui, com o pé no chão, não temos condições objetivas de opinar sobre o pânico ou sobre um aumento da incidência da queda de asteroides na atualidade, mas não fugiremos nem das pautas terrestres nem das extraterrestres que envolvam a condição humana de vida na Terra.

    ResponderExcluir
  4. Mande vc tb a sua msm ou comentário, enviando o e-mail para a redação do nosso blog, se preferir, para navepad@netsite.com.br e/ou direto pro e-mail do nosso editor padinhafranca@gmail.com

    ResponderExcluir
  5. "Concordo com cientistas e ecologistas que afirmam que além de asteroides, há outros fenômenos mais presentes na Terra e que precisam de uma solução urgente, como o do buraco na Camada de Ozônio ou os desequilíbrios do clima": é o comentário que já chegou aqui, enviado por Josias Ribeiro, que pretende estudar Meteorologia ou Astronomia na USP ou na Unesp e completa a sua msm assim; "Estou falando do espaço onde fica a minha casa em...São Paulo".

    ResponderExcluir
  6. "Esse asteroide hoje então serve de ensaio para quando setembro vier. Nada no Cosmos e na vida acontece sem sentido": é o comentário de Joseli Alvarez, de Santos (SP) que nos manda uma interpretação esotérica sobre o aumento de asteróides.

    ResponderExcluir
  7. "A gente fica então aguardando a sequência desta matéria sobre este possível evento em setembro, confirmado pela Nasa e esperado por religiosos, de um asteroide maior caindo no mar do Caribe e talvez causando muita destruição em três continentes": o recado é de Isaías Pereira, de Vila Velha (ES), que diz ter lido que até no Vaticano este acontecimento já é esperado.

    ResponderExcluir

Translation

translation