quarta-feira, 9 de setembro de 2015

TIMES E JOGADORES DE FUTEBOL FAZEM DOAÇÕES PARA AJUDAR IMIGRANTES E REFUGIADOS QUE CHEGAM À EUROPA

Vários clubes e atletas fazem gol de solidariedade mostrando amor humanitário que governos de alguns países não têm na atualidade de violência



Clubes e jogadores de futebol europeus se movimentam para ajudar imigrantes e refugiados. São vários exemplos deste bom exemplo. O Paris Saint-Germain doará 1 milhão de euros (R$ 4,25 milhões) para associações que ajudam os refugiados que chegam diariamente ao continente europeu. A campanha de solidariedade aos milhares de refugiados que vieram do Norte da África rumo à Europa ganhou também um apoio da Roma, da Itália, que anunciou a doação de camisas dos meias Totti, de Pjanic e do atacante Dzeko ao site de leilões "Football Cares", criado com o objetivo de angariar fundos para os imigrantes. As doações da equipe romana chegam a quase 3 milhões de reais, por enquanto. A campanha continua: "Muitos jogadores e clubes estamos nos movimentando e fazemos isso com os melhores sentimentos", falou o meia Francesco Rossi ao doar para o leilão a camisa que usou pela Liga dos Campeões contra o Chievo. 


Francesco Totti da Roma é um dos atletas que se solidarizam

O clube do PSG como um todo entrou com tudo na campanha humanitária


O Porto tem vários jogadores se empenhando nesta mobilização de cidadania

O volante Javi Martinez (Bayern de Munique) foi um dos primeiros a tomar atitude



"A Fundação se compromete a longo prazo com a Secours Populaire Français e a Acnur (Agência da ONU para Refugiados), para desenvolver projetos concretos de solidariedade", anunciou o clube francês PSGCom dinheiro árabe, o time de Paris contrata todo ano destaques do futebol de vários países, é um clube com um estilo de seleção mundial: "Uma razão a mais para a gente ajudar imigrantes e refugiados". expressa a nota. Ainda de acordo com a nota oficial divulgada hoje, a fundação que supervisiona o PSG utilizará recursos provenientes da receita do clube para fazer esta doação. Além disso, este clube, que é propriedade da Catar Sports Investment, explicou que assessores da diretoria ficarão responsáveis de acompanhar e de avaliar o trabalho das associações ou entidades a serem beneficiadas. Entre as associações e entidades a receberem doações de jogadores e clubes de futebol estão o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados, à Cruz Vermelha e  ONGs como Save The Childrens e Comitê Internacional de Resgate. São muitos os clubes europeus que se movimentam para ajudar imigrantes refugiados, vítimas da violência da atualidade, entre eles, Porto e Real Madrid, que já estão se empenhando neste objetivo e outros que se organizam para isso, como a realização de um ou mais jogos especiais para levantar fundos para esta causa humanitária. "Sejam benvindos, refugiados", foi dizendo isso que o volante Javi Martinez, do Bayern de Munique, por conta própria, resolveu distribuir bolas e camisas para crianças de imigrantes, chegando em massa na Alemanha. "Essa onda boa de amor humanitário e paz mostra a força maior do esporte e dos esportistas", comentou por aqui no blog da ecologia e da cidadania Folha Verde News Antônio de Pádua Padinha ao editar este post, ele que integra por aqui o movimento da não violência: "De repente e com justiça, os jogadores e os clubes europeus estão fazendo  o que alguns governos e políticos não fazem, estes atletas estão encarnando o espírito público que tinha o ex-jogador Sócrates. E isso é raro se a gente pensar que esta é a era do futebol business".


Em alguns países os imigrantes refugiados chegam a sofrer violência

Mas esportistas e ecologistas se unem nesta causa humanitária

Receber bem os imigrantes é a palavra de ordem das pessoas de boa vontade



Fontes: AFP
               www.terra.com.br
               www.folhaverdenews.com 

5 comentários:

  1. Ao contrário de alguns governos e países que se mostram insensíveis e até violentos ou desumanos com os imigrantes, esportistas, ecologistas, times e jogadores de futebol fazem doações e mostram solidariedade e cidadania.

    ResponderExcluir
  2. Uma onda positiva, parecida com o espírito de cidadania que o ex-jogador Sócrates mantinha no futebol brasileiro.

    ResponderExcluir
  3. Logo mais estaremos postando por aqui mais informações, entre nestya seção e deixe o seu comentário.

    ResponderExcluir
  4. Outra opção é você enviar sua mensagem para a nossa equipe de redação navepad@netsite.com.br e/ou mande o seu e-mail direto pro nosso editor de conteúdo padinhafranca@gmail.com

    ResponderExcluir
  5. "Ouvi na rádio Bandeirantes que o Bayern e o Real Madrid estão marcando um jogo de solidariedade, isso até surpreende no mundo atual do futebol business": o comentário é de Vicente Santana, de São Paulo (SP), que atua no mercado imobiliário.

    ResponderExcluir

Translation

translation