domingo, 8 de janeiro de 2017

ÍNDIOS DOS ESTADOS UNIDOS CONTRA OS COWBOYS DO PETRÓLEO E EM DEFESA DA ÁGUA EM SUAS TERRAS SAGRADAS

Tanto em Dakota na América do Norte como no Aquífero Guarani aqui na América do Sul em todo lugar do mundo temos que ir à luta pela proteção da última natureza e é assim que em defesa das suas águas e suas terras que consideram sagradas os povos indígenas se mobilizam: lá nos States, os índios passaramn a se mobilizar a partir do projeto de construção dum oleoduto de 1.900 km que danificará águas e poderá poluir rios, esta mobilização chega até a últimos povos nativos da Europa

7 comentários:

  1. Depois mais tarde, aqui nesta seção de comentários, mais informações atualizando ainda mais esta questão de luta por recursos hídricos, envolvendo também além de cientistas e de ecologistas, povos nativos, como os índios Sioux dos Estados Unidos.

    ResponderExcluir
  2. Os povos indígenas da América do Norte, América do Sul, Europa, Ásia, indo em defesa de suas águas e terras nativas que consideram sagradas poderão avançar o movimento ecológico e científico em nível local ou em cada país ou continente, esta é mesmo uma luta planetária, a ser resolvida só com a implantação de gestões de desenvolvimento sustentável que possibilite a exploração econômica sem agredir a última ecologia.

    ResponderExcluir
  3. Você pode inserir aqui nesta seção ou seu comentário ou a sua informação. Se preferir, pode também enviar com este conteúdo a sua mensagem para o e-mail da redação do nosso blog de ecologia e de cidadania navepad@netsite.com.br

    ResponderExcluir
  4. Há ainda uma terceira opção para facilitar a sua participação neste debate: envie informações, fotos, fazendo contato com o nosso editor de conteúdo aqui neste blog e podendo até também sugerir pautas: e-mail padinhafranca603@gmail.com

    ResponderExcluir
  5. "Uma dimensão planetária na luta contra a exploração dos recursos fósseis, contra o petróleo ou Gás de Xisto também, envolvendo cientistas, ambientalistas e agora também povos indígenas, isso pode avançar o processo histórico já em atraso para se implantar o desenvolvimento sustentável em todo lugar da Terra, sem o que não teremos futuro em nossa vida": comentário do nosso editor do blog, o ecologista Padinha.

    ResponderExcluir
  6. "Os geólogos precisam ser consultados e ouvidos tanto nos Estados Unidos como no caso do Aquífero Guarani, os governantes precisam colocar como prioridade recursos como a água cada vez mais ameaçados": comentário de José Portho, do Rio de Janeiro, engenheiro e construtor.

    ResponderExcluir
  7. A gente já tinha postado a matéria sobre a luta ambientalista dos índios nos States, quando fomos informados que eles venceram, por enquanto. Antes de virar para 2017 e de Trump assumir a presidência dos USA, Barack Obama mandou paralisar a construção do oleoduto em Dakota do Norte, na fronteira com o Canadá, preservando assim águas e terras indígenas, bem como evitando contaminação do Rio Missouri. Mas a luta continua porque se trata duma decisão ainda parcial.

    ResponderExcluir

Translation

translation