sexta-feira, 20 de outubro de 2017

SECA MONSTRO PARECE ESTAR COM HORAS CONTADAS PELO MENOS POR AQUI NO SUDESTE PARA QUE COMECE ALGUMA PRIMAVERA AINDA QUE TARDE


Duas frentes frias no estado de São Paulo mas no Mato Grosso do Sul ao invés de chuva por enquanto veio só tempestade de poeira até agora nessa primavera seca  a dano da ecologia e da saúde da população (e a culpa não é bem da natureza)


Chuva pode virar temporal em umas regiões do Sudeste mas parece que agora vem

Climatempo e Inmet já detectaram as chegadas de duas frentes frias ao mesmo tempo por aqui no Sudeste do país, isso é bom e mau ao mesmo tempo, estamos desesperadamente esperando todos que comece a chover nesta primavera seca demais, porém, ainda nesta sexta, no fim de semana, na semana que vem, parece que finalmente as chuvas estão chegando, pena que precedidas de rajadas de vento entre 60 e 90km/h (tempestade de poeira) e/ou acompanhadas de temporais em algumas regiões. O contraste entre o calor de 40 graus e baixa umidade do ar com as frentes frias pode gerar alguma violência no tempo, a temperatura deve ficar um pouco mais amena, os meteorologistas reafirmam que neste ano as chuvas serão escassa. Então, apesar da ventania com pó antes ou de temporal durante a chuvarada destes próximos dias e noites, pelo menos vai chover um pouco. 


 Por aqui ela ainda não chegou
 
Deve chover mais no Rio Paraná região que tem ainda incêndio em matas


Vai chover mais a oeste de São Paulo, nas barrancas do Rio Paraná, algo que é providencial porque por ali ainda persistia até hoje o incêndio ao longo do Parque Estadual Várzeas do Rio Ivinhema, ameaçando destruir as poucas matas ciliares na região, salvas por estas chuvas agora, porque não tem havido mesmo nem ali nem aqui nem em lugar nenhum do Brasil uma gestão governamental do clima e do ambiente, para prevenir problemas como focos de fogo ou de doenças respiratórias nas cidades, nem para prevenir nem para dar socorro à natureza ou à população, esta sofrendo os limites e erros da saúde pública, constantemente em tempo ruim. Bem, mas por quase todo o Sudeste já se ensaiam chuvas, as duas diferentes frentes frias chegando já causam aumento da nebulosidade, trazendo ventos de origem polar. desde ontem. Choverá?


Satélites e radares mostram que dessa vez a chuva vem

Com a expectativa de pancadas de chuva e destes ventos com poeira no ar, a temperatura cairá em relação ao calorão de agora, mas a sensação ainda é de calor nesta sexta-feira. O dia fica abafado, porém a temperatura não chega a valores que estavam entre 33 e 40 graus por quase todo o país. Onde chover um pouco mais forte pode haver desbarrancamentos em estradas mas aí, a culpa não é da natureza e sim da tal falta de gestão do clima, do ambiente e de vários setores da nossa realidade, carecendo de medidas governamentais sustentáveis para mudar a situação do tempo e da nossa vida. 

Já está tudo secando e então que venha a chuva

A passagem das frentes frias deixa áreas de instabilidade sobre São Paulo e nuvens carregadas crescem por toda a macrorregião no decorrer do dia e da noite. Até a noite há condições para chuva em todas as regiões paulistas, inclusive na Grande SP. As pancadas de chuva mais fortes devem ocorrer especialmente à tarde e à noite na maior parte do estado e em especial a partir de sábado. Há mesmo risco redobrado de raios e de rajadas de vento de 60 km/h a 90 km/h. Já se registra um crescimento das nuvens de chuva pelas imagens de satélites. Agora finalmente parece que vem a chuva, em meio a esta escassez hídrica ou seca monstro. 

As chuvas de agora vencerão a primavera seca destes dias?

Nascentes e córregos, rios e população clamam para que venha a chover

Depois de muitos dias com calor de quase 40°C, a temperatura está caindo também no litoral, ruim para pegar praia mas bom para equilibrar um pouco mais o clima nesta virada de semana. O ar refresca com a entrada de ventos do quadrante sul, de origem polar, além da nebulosidade e da chuva. Ontem, por causa do efeito de aquecimento adiabático, o calor foi intenso no litoral. O Instituto Nacional de Meteorologia registrou na Baixada Santista, a temperatura média de 38°CO sul de São Paulo foi a região mais quente ontem. A maior temperatura no estado foi de 39,5°C no Vale do Ribeira. A sensação de 40 graus à sombra tem sido geral em todas as regiões do Sudeste. Satélites e radares meteorológicos mostram o deslocamento e a intensidade de áreas de chuva que agora parece que vem. O tempo fica muito instável nos próximos dias e há risco de mais temporais em muitas regiões de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Mato Grosso do Sul, mas ao menos a primavera passará a ser um pouco menos seca se realmente chover neste fim de semana e na semana que vem. Importante demais porque se a primavera não ocorrer a partir deste final de outubro, o verão também poderá chegar desequilibrado em novembro ou dezembro, enfim, mesmo com eventual violência de temporais, bem vinda a chuva. 



Por enquanto a chuva da primavera é só uma miragem aqui nesse deserto


Fontes: Climatempo - Inmet - INPE
             www.folhaverdenews.com

 

8 comentários:

  1. Logo mais, aqui nesta seção de comentários, uma nova atualização deste blog, com mais dados e também mensagens e opiniões. Mande a sua informação você também e confira depois aqui.

    ResponderExcluir
  2. Você pode colocar direto nesta seção o seu comentário ou se preferir ou precisar, envie sua mensagem para a redação do nosso blog que a gente posta para você, então, envie um e-mail para navepad@netsite.com.br

    ResponderExcluir
  3. Outra alternativa que você tem é contatar diretamente o nosso editor de conteúdo para também mandar material como vídeos ou fotos ou informações ou somente a sua mensagem, mande pro e-mail padinhafranca603@gmail.com

    ResponderExcluir
  4. "Tenho acompanhado a série de matérias por aqui nesse blog e também a ansiedade geral por chuvas, concordo que elas estão escassas demais para esta época, realmente falta uma gestão especializada dos políticos que, concordo também com vocês, são mais secos ainda que esse tempo de agora": comentário de Rubens Gonçalves, do Rio de Janeiro, professor de Biologia.

    ResponderExcluir
  5. "Pode até ser que venha um pouco de chuva nestes dias mas o que estou sentindo, não em nenhum satélite mas no meu nariz é que o tempo está mais seco ainda, quem sabe quanto mais seco, mais chance de pelo menos alguma chuva agora porque sabemos que as chuvas vão ser escassas nessa primavera, por culpa também de investimentos zero no ambiente brasileiro": comentário de Marina Alves, de São Paulo, professora de Geografia na rede estadual.

    ResponderExcluir
  6. "Há pouco tempo atrás, já em setembro começava a chover, em outubro e novembro as chuvas aumentavam e mais ainda em dezembro e janeiro, abrindo do verão, agora não tem chovido e a primavera seca é real, realmente só medidas de prevenção e de recuperação da ecologia podem resgatar o equilíbrio da natureza que gera bilhões de dólares ao país e não recebe nem 10% de apoio dos govervantes e dos empresários": comentário de Elias Corrêa Mendes, de São Paulo, advogado tributarista.

    ResponderExcluir
  7. "Confirmada a informação deste blog, acabei de ver agora no site Terra que nuvens carregadas se espalham sobre São Paulo nos próximos dias e diversas áreas do estado poderão ter temporais. Duas frentes frias vão passar sobre São Paulo em um curto período de dias. O calor armazenado na atmosfera e a acentuada queda da pressão atmosférica vão colaborar para que muitas nuvens carregadas cresçam sobre boa parte do Sudeste nos próximos quatro dias. A primeira frente fria chega a São Paulo nesta sexta-feira, 20 de outubro. A segunda frente fria está prevista para o domingo": comentário de Elenice Barros, que nos envia algumas fotos de temporais, ela que é de Belo Horizonte, empresária no comércio, torcendo por chuvas "para tirar o país do sufoco, o clima só não está pior do que a política".

    ResponderExcluir
  8. "Nesse sábado, no domingo, na segunda, algumas chuvas finalmente em todo São paulo, Minas, Rio, parte do Mato Grosso e sul do país, espero que a primavera esteja chegando, fiquei alarmada com essa matéria e fui conferir previsão de hoje na Climatempo": comentário de Luíza Sandoval Silva, corretora de imóveis em Presidente Venceslau (SP), que nos avisa ainda: "Finalmente também chove um pouco na região do Rio Paraná, precisava chover mais mas pelo menos chove".

    ResponderExcluir

Translation

translation